Fórum Romano

Fórum Romano

segunda-feira, 28 de maio de 2018

Memorial da América Latina

Uma América multipla, gigantesca!


A Mão de Niemeyer 

"Suor, sangue e pobreza marcaram a história desta América Latina tão desarticulada e oprimida. Agora urge reajusta-la num monobloco intocável, capaz de fazê-la independente e feliz". 
Oscar Niemeyer - arquiteto



Sala dos Atos

Milhares de línguas, cidades imensas, tribos, aldeias... 
Chegada dos europeus: 3 séculos de domínio colonial - após a Conquista, experiência traumática, nasce uma sociedade mestiça, mas com valores comuns. Ocorre a ocidentalização dos costumes para legitimar a nação. 


Essa espetacular sala abriga, além do Painel Tiradentes de Portinari, seis painéis em alto relevo de concreto, medindo 4 x 15 metros cada, de autoria dos artistas Caribés e Poty.


 
A formação mestiça do povo americano



















Pavilhão Cultural  - A construção do povo brasileiro (espaço fechado para restauro)


Palavras de origem indígena que fazem parte do nosso vocabulário hoje



O barro e o metal - diferentes estágios e mecanismos de exploração

A Era do Metal: 


A chegada do europeu, a busca por metais preciosos e a escravização dos povos originários

Rituais de antropofagia, que tanto chocou o europeu

O século XX - uma nova era 
A Construção de Brasília no Planalto Central brasileiro - a era do concreto armado nas linhas de Oscar Niemayer e no projeto de Lúcio Costa. 


Candangos, os verdadeiros heróis da década de 1950, heróis trabalhadores. 

Pavilhão da Criatividade - A incrível e colorida América Latina







Bolívia


Equador
Guartemala



Peru
Brasil


Expressões artísticas - o cotidiano transformado em Arte


Candelabro - Dia dos Mortos
A celebração constitui na sua origem, a união dos elementos das culturas pré-colombianas e dos conquistadores espanhóis. Homenageia os antepassados, e celebra a vida. A morte é vista como término do ciclo vida e início de um novo 
Material: Barro Cozido
Autor: Afonso Castillo
Origem: Puebla, México

                                  
Detalhe

Igreja Rosada 
Material: Barro cru, policromado sobre estuque. 
Autor anônimo
Origem: Estado do México, México. 




Prato: Barro Cozido
Autor: Anônimo
Origem: Tobati, Paraguai




Sereia de barro cozido pintado e vidrado
Autor: Emílio Basílio Hernandéz
Origem: Ocumicho, México


Casa de Cinco Andares com figuras esculturais e decoração em vários tons de engole (camada de barro colorido aplicado na superfície da peça). 
Material: Barro Cozido
Autor: Anônimo
Origem: Ayacucho, Peru




Banda de músicos uniformizados
Podem ser utilizados como recipientes para líquidos 
Material: Cerâmica com vários tons sobre o fundo brunis
Autor: Anônimo
Origem: Ayacucho, Peru



Bonecas de Papel Machê
Material: Papel Aglutinado e Pintado
Origem: Guanajuato, México


Wawas
Material: Bonecas de madeira coloridas ao estilo de retábulos com cabeças de pasta de batata e gesso pintadas 
Autor: Anônimo
Origem: Ayacucho, Peru

Par de Bonecos Chonguinos 
Vestidos de maneira tradicional da dança chonguinada
Material: Tecidos diversos
Autor: Anônimo
Origem: Huancayo, Peru

Retábulos




Altares ambulantes de madeira
Material: As figuras são modeladas a mão, com massas diferentes, mas a base é sempre pasta de batata. Quando as figuras secam, são pintadas e envernizadas para assim serem colocadas no retábulo para formarem as cenas. Os temas surgem da própria realidade campesina e urbana. 
Autor: Anônimo
Origem: Ayacucho, Peru






Cerâmica Fantástica
Material: Barro cozido e pintado
Autor: Anônimo
Origem: Ocumicho, México




Presépio
Material: Barro Policromado
Autor: Anônimo
Origem: Ocumicho, México

A Religiosidade


Candelabro Diabo simbolizando a fertilidade
Origem: México

Candelabro Árvore da Vida
Origem: México

Detalhe

A Árvore da Vida é um canto à vida. O mundo está embaixo, povoando a árvore com um número sem fim de anjos, terminando no Deus Padre com Seu Filho e o Espírito Santo, com sua pombinha. Ela representa, também, tudo o que o povo precisa, a Natureza, pródiga que nos oferece seus frutos - nopales, no caso do México. 
Nela se vê clara influência pré-hispânica na figura do Sol que representa Quetzacoatl, a serpente emplumada, deus da vida. Sem  o Sol não haveria vida porque vida é luz. Estas árvores são feitas numa região em que crescem cactos de todos os tipos e de todas as formas e seguem, espontaneamente, uma multiplicidade de formas. É esta ligação entre o meio ambiente e os povos com suas culturas o que dá a vitalidade presente em tudo que se faz em nosso continente. 
Teresa Pomar

BISILLIAT, Maureen. Pavilhão da Criatividade: Memorial da América Latina: Brasil. São Paulo: Empresa das Artes, 1999

Presépio
Origem: Brasil

Santa Rosa de Lima
Origem: Peru

Seguro Espiritual
Origem: México


A Maquete da América Latina.

Visão geral da maquete

Cordilheira dos Andes - detalhe, entrada da Bacia Platina





Povos Andinos e Lago Titicaca

Golfo do México



Litoral Brasileiro

Brasília e o Planalto Central






Acervo Antigo - Hoje em restauro  - fotos abril de 2017



Caveira Catrina
Material: Papel Machê pintado
Figura da morte e sátira social, seu boá de plumas representa, paradoxalmente, a serpente Quetzalcoatl, uma divindade da vida. 
Autor: Felipe Linares
Altura: 1.30 m
Origem: Cidade do México


A importância do Milho
Na maior parte do continente, o milho é um dos alimentos básicos dos indígenas desde épocas anteriores à conquista. 

Máscaras e criaturas estranhas


                                               

                                      


                                               

                                       

Arte Brasileira


Maracatu e Bumba meu boi
Material: Barro Cozido
Autoria: Manuel Eudócio 
Origem: Alto do Moura/Pernambuco




Memorial Tupinambá

@memorialdaamericalatina
@jefferzion
#memorialtupinambá

Magnífica exposição do artista Jeffer Zion, são paisagens, cenas de caça, animais da floresta e da Mata Atlântica. 
As representações dos indígenas são estilizadas, lendárias, quase seres fantásticos! 
Um colorido a mais para o Memorial, sem dúvidas! 


Negróide Tupinambá
Óleo, Betume
Folha de ouro sobre madeira, 2018

Caucasoide Yanomami
Óleo, Betume
Folha de ouro sobre madeira, 2018









Apoena 
Carvão e esmalte sobre lona
2018

Grafismos, simbolismos, sincretismos... 

A Caça
Carvão, esmalte e folha de ouro sobre lona, 2017
Coleção Particular


Raoni
Carvão, esmalte e folha de ouro sobre lona, 2017
Eva
Carvão, folha de ouro, acrílico sobre tela 
2018



Serafim 
Carvão, esmalte folha de ouro sobre lona
2017

Para Saber mais: 

Site do Memorial da América Latina: http://www.memorial.org.br/

Darcy Ribeiro - A América Latina existe?