Fórum Romano

Fórum Romano

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Projeto Ser ou crescer: afinal, o que se passa na cabeça desses jovens?

Para o ano letivo de 2015 fui convidada a participar de um projeto novo com os alunos dos 8˚s anos em relação ao projeto de vida e de futuro. Quando o planejamento se iniciou, ainda em 2014, nossos planos centravam-se em torno do Estudo do Meio que ocorre na cidade de Paranapiacaba, nas transformações sociais e tecnológicas das últimas décadas do século XIX e XX, nada muito definido ou fechado.  
O ponto de partida seria o livro "Jovens Brasileiros:uma aventura literária 10 momentos de nossa história", de Ivan Jaf, material paradigmático que adoto em parceria com a área de Língua Portuguesa, serviu-nos de inspiração para a elaboração das crônicas sobre novos jovens brasileiros, os que vivem o século da transformação, o século XXI. 
http://livraria.folha.com.br/livros/livros-paradidaticos/jovens-brasileiros-ivan-jaf-vera-vilhena-toledo-1325034.html?tracking_number=773&gclid=CJ_pmJi4qcoCFYYEkQodQmcG0g


A parceria entre as áreas de História, Pensar Crítico, Geografia e Língua Portuguesa,  deu início ao projeto interdisciplinar e à elaboração das primeiras atividades. Com os alunos dos 8˚s anos de 2015, verdadeiros protagonistas desse projeto, delineamos as primeiras metas e desejos. Aos poucos estabelecemos a rede do projeto a ser desenvolvido, o que modificou a ideia inicial, o foco não seriam apenas as transformações tecnológicas contemporâneas, mas as transformações físicas, emocionais e sociais dos jovens frente ao mundo em permanente e dinâmica transformação. 
Os primeiros questionamentos e pesquisas centraram-se em temas polêmicos, como: 

- liberdade x realidade x preconceito; 
- Direitos e deveres dos jovens; 
- Respeito ao outro;
- Qualidade de vida - classes sociais x poder aquisitivo-  
desigualdades, 
-  Perspectivas de Futuro x possibilidades sócio aquisitivas; 
- Capacidade de decisão: o que se gosta, por que, forma de pensar;
- Conflitos: diferentes pontos de vista: adolescente x pais x professores
- Tabus: sexo, sociedade

Decidimos que o produto final dessas atividades seria a elaboração e impressão de um livro, cujo título, criado em conjunto com as turmas seria: Ser ou crescer, afinal, o que passa na cabeça desses jovens? 

Após debates e discussões, nossa rede de projeto ficou assim: 




Rede final, elaborada para a Mostra de Projetos que ocorreu em Outubro, já com a capa do livro de contos finalizada. 


Como é ser adolescente no Brasil de hoje? Quais são os valores que norteiam os jovens? Que dificuldades enfrentam? Quais são seus sonhos e angústias?


Por meio de pesquisas e análises acerca da sociedade brasileira contemporânea,  relatos históricos foram elaborados, seguidos por crônicas relacionadas a dilemas e vivências em relação à política, amizade, amor, preconceito, insegurança e medos desses jovens. 

Foi um projeto longo e proveitoso, iniciado em março e finalizado apenas em outubro. Pesquisas foram realizadas; relatos históricos elaborados; as primeiras, segundas, terceiras versões escritas e reescritas, sugestões de aprofundamento e buscas adicionais de informações para melhor embasar os contos que estavam sendo escritos.  

Com o material escrito finalizado e corrigido, era necessário uma capa que traduzisse tudo os leitores encontrariam no material. A talentosa aluna Raquel, do 8˚ano A deu muitas ideias e resolveu fazer um esboço. Apresentei o material em ambas as turmas, todos gostaram muito, principalmente porque a ideia de colocar jovens de costas, como se olhassem para o futuro a frente foi muito significativa, além do que, o que seria mais a cara da tecnologia do que o título escrito em um box que lembrava o Itunes do Iphone? 
As adequações gráficas foram feitas com a ajuda do meu marido Ricardo, que adequou e acrescentou todas as informações necessárias à impressão. Os textos foram organizados por mim e pela professora Brenda, eis o resultado final: 

                                  
Adorei o resultado! 

Nossa artista, Raquel Carvalho

A venda de pizzas para podermos enviar o material à gráfica para impressão ocorreu em setembro com a ajuda da nossa orientadora Vânia Camata, agradecemos aos pais e a todos que acreditaram no projeto, possibilitando que ele se concretizasse. Imprimimos 100 cópias e mais a versão e-book, alguns alunos realizaram arte gráfica para seus contos, com destaque para os trabalhos das alunas Ellen e Raquel, que auxiliaram quem tinha dificuldades. 

Organizamos as imagens de ilustração e trechos dos contos para a impressão em banners, que compuseram o espaço do 8˚ano no dia da Mostra de Projetos. 



Matheus Oliveira, 8˚ano A: A Conquista, ilustração: Raquel Carvalho
Ellen Bento e Milena Reis, 8˚B: Paixão Adolescente, ilustração Ellen Bento
Mariana Dotta, 8˚A: Quando Vivemos, ilustração: Mariana Dotta
Giovanna Rossi, Túlio Brilho e Luiza Rennó, 8˚B: As escolhas de Raíssa, ilustração: Luiza Rennó
Raquel Carvalho, 8˚A: Fur Elise, ilustração Raquel Carvalho
Guilherme Coury, 8˚A: Por um mundo melhor, ilustração: Guilherme Coury
Giulia Barbosa, Maysa Pereira e Júlia Morais, 8˚A: A culpa é sempre dela, ilustração Giulia Barbosa
Carolina Borges e Beatriz Folegatti, 8˚A: O Arpoador, ilustração Raquel Carvalho
Gabriela Nazário e Fernanda Iamarino, 8˚A, ilustração: Raquel Carvalho
Lara Davi e Laura Pedro, 8˚B: O amor acontece, ilustração: Ellen Bento
É possível ler todo o material na publicação abaixo, que está hospedada no slideshare. 




     
Nas aulas de redação, elaboraram o jornal Fala Jovem, onde relataram, a partir do seu ponto de vista, a execução e produção final da atividade.
Finalmente, a Mostra de Projetos, onde pudemos receber as famílias e autografar os livros.



E finalmente a Mostra de Projetos estava pronta: Manhã de Autógrafos!




As mensagens deixadas pelas famílias: 



Mas afinal, quem são esses jovens que foram além do proposto e deixaram sua professora cheia de orgulho?

O 8˚ano A:

Nós, alunos do 8º ano A do Colégio Fundamentum, somos uma classe animada e criativa. Gostamos muito de sair juntos e conversar, mas sabemos o momento certo em que devemos nos dedicar. Como a maioria dos jovens de nossa idade, praticamos esportes, nos divertimos, vamos a festas e estudamos. Somos uma classe muito unida pela amizade e aqui todos se ajudam!

O 8˚ano B:


Nós somos a turma do 8ºB, uma sala sem igual, tudo que é proposto para fazermos, nós fazemos muito bem. Nós gostamos dos desafios!  Somos muito - e coloque ênfase nesse muito - falantes. Como toda sala, aqui tem brigas, amizades e risadas. Muitas risadas!! Com certeza, somos únicos!



Para finalizar esse post, desejo agradecer  a todos esses alunos queridos que toparam esse desafio e fizeram esse projeto possível, à direção, coordenação e orientação do Colégio Fundamentum, por apoiarem e acreditarem no potencial transformador dos jovens,aos meus amigos e companheiros de trabalho, Wellington e Brenda, por trabalharem arduamente comigo, por vezes noites a fio, para que de fato, o projeto pudesse ser viabilizado, e às famílias, por acreditarem em todos nós.